Como diminuir a inadimplência de seus clientes usando a tecnologia?

Diminuir a inadimplência, sobretudo na venda de produtos financeiros, é uma meta que exige método e comprometimento. Nesse artigo traremos dicas para ajudar você a identificar esse tipo de problema na sua operação e encontrar soluções para o dia a dia do seu negócio.

 

Atuar no mercado financeiro significa, entre outras coisas, conviver com o risco de possíveis inadimplências de clientes todos os dias. Não é um aspecto negativo do setor. Simplesmente faz parte de sua realidade. 

 

O problema desse aspecto é que, uma vez que essa inadimplência começa a se acumular, o cenário pode diminuir a saúde financeira dos negócios de uma determinada empresa até o ponto em que se torna irreversível, obrigando esses players a tomarem medidas drásticas para entrar novamente na rota do crescimento.

 

No conteúdo de hoje iremos trazer informações importantes sobre este mercado e algumas soluções atuais que podem detectar e diminuir o risco de inadimplência. Confira os temas que serão abordados:

 

  • Perspectivas para o mercado de crédito em 2021;
  • Principais desafios do setor de cobranças dentro de uma empresa;
  • Automação a serviço da identificação de potenciais clientes inadimplentes;
  • Um setor de cobranças estruturado pode solucionar problemas;
  • Oportunidades do mercado de crédito devem aumentar com o open banking e a integração de novas tecnologias;
  • Open banking traz novas e melhores possibilidaes de diminuir a inadimplência;

 

Boa leitura!

 

 

Perspectivas para o mercado de crédito em 2021

 

Diferente das previsões mais negativas do início da pandemia do novo coronavírus, ainda no primeiro trimestre de 2020, a tendência do nível de inadimplência no mercado de crédito é de redução. 

 

Isso se deve ao fato de que, com a chegada desse novo panorama, o consumidor brasileiro passou a frear seus gastos e agir de forma mais consciente quanto às suas finanças. 

 

Segundo um levantamento feito pelo IBEVAR (Instituto Brasileiro de Executivos de Varejo),o corte de gastos, reflexão antes de realizar investimentos e monitoramento constante das notícias levaram os clientes dos bancos e de instituições financeiras a honrarem com seus compromissos. 

 

Para Claudio Felisoni de Angelo, Presidente do IBEVAR, “a baixa confiança do consumidor para gastar funciona como um freio. É evidente que, com a procura menor por financiamentos, também cai a fatia de créditos menores e, por isso, a inadimplência não sobe”.

 

Contudo, o número de inadimplentes no Brasil ainda é alto. Segundo o Serasa Experian, o número de inadimplentes em território nacional era de 63,8 milhões no início de janeiro de 2020. Ainda que este número tenha sido reduzido, é importante continuar encontrando formas de prevenir a situação de inadimplência dos clientes.

 

Principais desafios do setor de cobranças dentro de uma empresa

 

Além da própria inadimplência, alguns fatores podem entrar na equação do processo de cobrança e causar um impacto positivo no relacionamento com os clientes. Afinal, o objetivo de resolver uma questão de inadimplência é ajudar o consumidor a sair dessa situação para você seguir oferecendo os serviços para ele.

 

Por isso, é necessário um cuidado especial com os clientes que se colocam nessa delicada situação. Um dos pontos importantes no processo é a não exposição desse usuário.

 

Um exemplo disso seria entrar em contato com parentes ou pessoas próximas do cliente com o intuito de fazer a cobrança, ou mesmo acioná-lo por repetidas repetidas.

 

Muitas empresas recorrem ao outsourcing desse setor justamente para entregar nas mãos de quem sabe fazer isso de forma eficiente e respeitando o espaço dos consumidores.

 

Embora o acesso ao cliente devedor seja dificultado devido à ausência de dados de contato, é possível contar hoje com ferramentas de dados atualizados dos usuários, facilitando o caminho até essa primeira conversa com o usuário inadimplente.

 

Automação a serviço da identificação de potenciais clientes inadimplentes 

 

Para que tudo ocorra sempre de maneira fluida ao longo do processo, muitas empresas buscam soluções que padronizam o sistema de pagamento para seus clientes. 

 

É importante ressaltar que contar com a automação desse setor aumenta a praticidade, a eficiência e é capaz de aumentar o desempenho da equipe encarregada das cobranças, que passam a oferecer um salto de qualidade no atendimento aos consumidores.

 

Um setor de cobranças estruturado pode solucionar problemas (link para artigo gestão de cobranças)

 

Para as empresas que lidam diariamente com a inadimplência devido ao grande volume de clientes em sua carteira, o mercado oferece soluções que apresentam planos personalizados de acordo com as necessidades de cada consumidor – principalmente no que diz respeito aos pagamentos de boletos e cartões de crédito.

 

O sistema de gestão de cobranças é responsável, inclusive, por melhorar o fluxo desse setor por meio de envios automatizados de segundas vias, alertas agendados de vencimento e negociações automáticas por meio de auto-atendimento.

 

O setor de cobranças de qualquer empresa deve funcionar sempre próximo à perfeição, pois é uma das garantias da saúde financeira de qualquer negócio e aumenta, a partir de seus resultados, a capacidade das equipes de tomar as melhores decisões estratégicas com foco no crescimento das operações.

 

Oportunidades do mercado de crédito devem aumentar com o open banking e a integração de novas tecnologias

 

As soluções de automação, como ferramentas de análise de crédito, cobradoras virtuais e a análise dos indicadores de chamadas, desenvolvidos para entender a taxa de conversão das abordagens junto aos inadimplentes são alguns dos grandes exemplos do que a tecnologia é capaz de oferecer para esse setor.

 

Como todas essas soluções são ligadas diretamente aos sistemas das empresas que as contratam, a chegada do open banking, iniciativa que busca aumentar a transparência e estimular a competitividade do mercado financeiro, é vista com bons olhos por quem atua nesse setor. 

 

O motivo dessa expectativa se dá pelo considerável aumento das informações disponibilizadas aos players desse setor, o que tornará muito mais fácil aos participantes da iniciativa que identifiquem e desenvolvam melhores soluções para prevenir a inadimplência dos consumidores.

 

Open banking traz novas e melhores possibilidaes de diminuir a inadimplência

 

A Quanto é uma plataforma de open banking criada com o objetivo de integrar a sua empresa ao open banking de forma simples, orgânica e em consonância com as leis que regem a iniciativa. 

 

Entre suas soluções que podem ser aproveitadas não só pelo setor de cobranças, mas também pelo setor de risco e de avaliação de crédito, estão a redução do risco de fraude, a avaliação e o monitoramento de comportamento financeiro dos consumidores nos últimos 18 anos e o acesso à receita total dos clientes.

 

Quer entender mais sobre como o open banking pode ajudar o seu negócio? Então envie um e-mail para comercial@contaquanto.com.br, tire suas dúvidas e torne-se nosso parceiro hoje mesmo!